O Marketing nos E-sports

O mundo dos e-sports vem ganhando cada vez mais espaço na mídia tradicional. Com seu cerne no mundo digital, o cenário competitivo de jogos como Counter-Strike e League of Legends tem chamado atenção não apenas dos fãs das modalidades.

Importantes canais esportivos como o SporTV, a ESPN e o Esporte Interativo já contam com conteúdo voltado para o público gamer em sua grade, com transmissões de campeonatos e até programas dedicados a repercutir notícias, transações e novidades do cenário.

Os times de futebol já se renderam aos e-sports, mas a tendência é que essa ligação aumente cada vez mais. Hoje já é bastante comum os gigantes europeus terem seus representantes em jogos como o Fifa ou PES, que tem ligação direta com o Futebol, mas os times também tem buscado entrar em diferentes modalidades.

O caso mais recente e emblemático no Brasil talvez seja o do Flamengo E-sports, que recentemente entrou para o Circuito Desafiante de League of Legends. O que antes havia sido um teste, através de parcerias entre clubes de futebol e de LOL, como nos casos da Santos/Brave e da nova Red Canids/Corinthians, agora, com o Fla E-sports, passa a ser levado a um novo patamar, com um clube de futebol tendo estrutura própria com time, gaming office e comissão técnica vinculados ao próprio clube.

A ideia de entrar nos E-sports é atingir uma geração que já nasceu conectada e que agora passaria também a se ver representada pelo seu time de coração no seu jogo favorito. Com custos muito inferiores aos esportes tradicionais, a grande popularidade dos jogos e de seus jogadores profissionais, a busca por patrocínio se torna mais fácil.

O Flamengo E-sports, por exemplo, já conta com patrocínio da Samsung, além de ostentar na camisa de seus jogadores a tão desejada marca da Adidas. A presença de um nome de peso acaba atraindo investimentos de patrocinadores diferentes dos habituais no esporte tradicionais justamente pelo diferente perfil do público consumidor.

Um dos fatores importantes que essa entrada de times de futebol no cenário de League of Legends pode trazer é o know-how relacionado ao marketing. Enquanto os times de e-sports já investem no marketing digital e na interação com o público nas redes sociais, os times de futebol possuem enormes departamentos que cobrem desde a área de social media às estratégias de fidelização e formas de transformar o seu torcedor também em consumidor através de diversas formas de engajamento.

Uma dos investimentos que mais tem dado resultado, no entanto, é a produção de vídeos para as redes, gerando uma ativação importante, engajando e pontuando bem o marketing mais descontraído adotado nas redes sociais.

Vai ser interessante acompanhar as estratégias escolhidas e a interação entre esses dois lados, pois o cenário dos e-sports ainda tem muito espaço a ser explorado.

2018-01-17T12:08:14+00:00